Você está antenado sobre o que seus filhos assistem?

 

Passando por aqui depois de um longo tempo para perguntar:
Você sabe o que seus filhos assistem?

Há uma semana fui com minha família assistir ao filme “The Star”que conta a história do primeiro Natal, ou seja, do nascimento do nosso Senhor Jesus Cristo do ponto de vista dos animais. Eu recomendo.

Mas antes passaram os trailers dos próximos filmes que entrarão em cartaz. E Hotel Transilvânia 3, que será lançado no próximo verão americano de 2018, foi um deles e é sobre isso que quero falar.
Como sabem um trailer são apenas pequenas cenas e por isso não sei exatamente como será o filme. Mas o que vi naquele pequeno momento do trailer foi o suficiente pra sentir-me incomodada a escrever.
O filme é ambientado num cruzeiro e em uma cena um homem já senhor passa de sunga e três senhoras ficam paradas olhando fixamente o “bumbum” dele e uma delas fala “delícia”. Link abaixo, minuto 0:01:09 do trailer.

https://youtu.be/U48jFNKDYVE

Aquilo que deveria ser engraçado e tenho certeza que muitos irão rir, pra mim não teve graça. Na verdade penso ser inapropriado principalmente sendo um filme para crianças.
Muitos irão discordar. Direito de cada um ter uma opinião.
Em um momento da história da sociedade ocidental onde tanto se fala e se combate o assédio, abuso sexual, e onde temos tantas denúncias de assédios “pipocando” todo o tempo em Hollywood e agora até mesmo no meio jornalístico americano e político, teremos um filme infantil ensinando às crianças a abordarem de maneira imprópria seu próximo.

Mas você pode dizer:
“Mas é apenas uma cena!”
Bem, espero que sim…
Mas é aí que mora o perigo. A estratégia é justamente essa: de num filme “inocente” e sem nada demais, jogar uma ideia sutil aqui e outra ali como quem não quer nada ou até mesmo mostrar ou sugerir uma situação imprópria ou mesmo reprovável como algo engraçado e sem maiores consequências.
E é exatamente assim que essa agenda de sexualização precoce de crianças e adolescentes entra em nossas casas, em pequenas coisas, pequenas ideias, sutis, rasteiras.

E você também pode argumentar:
“Mas eram mulheres assediando um homem, não o contrário.”
Mas então só é errado quando um homem assedia uma mulher?
Muito perigoso relativizar certo e errado, especialmente para as pequenas mentes em formação.
Imagina seu filho ou sua filha chegando na escola e olhando fixamente para a parte de trás de um coleguinha e falando “delícia”. Essa criança provavelmente será chamada atenção.

Mas por que então colocar uma cena dessas num desenho infantil? Pra mim, isso apenas mostra toda a hipocrisia dos produtores de filmes.

Meus amigos, estamos vivendo tempos difíceis e precisamos cuidar de nossos filhos.
Nossos filhos são presentes do nosso Senhor. Somos mordomos de suas vidas.

“Os filhos são herança do Senhor, uma recompensa que ele dá.” Salmos 127:3 (NVI)

Nossos filhos são nossa responsabilidade. Não dos avós, dos tios, da escola, da igreja ou da T.V.

“Ensina a criança no caminho que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele.” Provérbios 22:6 (SBB)

Nós que devemos estar atentos ao que seus olhinhos assistem e o que está alimentando mente e coração de nossas crianças.

“Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida.” Provérbios 4:23 (SBB)

“Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e, luz para os meus caminhos.” Salmos 119:105 (SBB)

Em nossa casa temos usado um site cristão Movie Guide http://www.movieguide.org.  que tem sido uma excelente ferramenta na escolha de filmes para nossos filhos.

Temos liberdade! Liberdade de pensar, de falar, de ter opinião, de concordar, discordar e liberdade de escolher. Não se sinta prisioneiro do que está na moda. Faça uso da sua liberdade.
Sempre haverá ruim e bom, certo e errado.
Pense naquilo que edifica.

“Porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o seu coração.” Mateus 6:21 (SBB)

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário.